Protetor auricular, quando fazer a troca? Qual é sua vida útil?

Protetor auricular, quando fazer a troca? Qual é sua vida útil?

Estas perguntas têm sido feitas intensamente nos últimos dois anos pelos responsáveis pela elaboração do Programa de Conservação de Audição dos Usuários como também por Peritos Técnicos e até Advogados e Juízes. Estive em Berlin, Alemanha representando o Brasil na reunião do grupo de trabalho WG 17 da ISO de Protetores Auriculares, e aproveitei a presença dos 15 participantes de todo o mudo e fiz esta pergunta para eles. Infelizmente nenhum deles soube me dar uma resposta. Será que é possível determinar a vida útil de um protetor auricular para todas as marcas e modelos e para todos os usuários?

Vamos fazer a seguinte pergunta similar: Qual é a vida útil de seu sapato? Podemos utilizar alguns exemplos do uso do sapato para transpor ao protetor auricular. Por exemplo: João tem pé torto e anda depressa, batendo nas pedras e quando volta para casa tira o sapato e joga em um canto sujo e molhado. Nosso amigo, elegante, Batista anda com o pé reto e cuida de sua postura, mantendo seu sapato sempre limpo e bem guardado. O Batista é pão duro, não quer gastar para comprar sapato novo, então ele engraxa o sapato dele todos os dias à noite. O sapato do Batista dura anos, enquanto o sapato do João só dura 6 meses. Agora voltando para o nosso tema. Um trabalhador que cuida bem de seu protetor auricular, lava ele (tipo plugue), troca almofadas (tipo concha) e guarda em lugar limpo, vai propiciar que o protetor auricular tenha uma vida útil mais longa do que o que não cuida do seu protetor auricular, como por exemplo; deixa o protetor auricular cair no chão sujo, não lavar, guarda em lugar úmido e sujo, colocar em contato com produtos químicos para evitar a perda das características, etc.

Será que podemos dar uma resposta para a pergunta: Quando fazer a troca do protetor auricular? Qual é a vida útil do protetor auricular? Infelizmente não é possível pois não existe uma resposta generalizada. Então, apenas temos uma ideia do período de tempo de uso do protetor auditivo, assim como podemos dizer que um sapato pode durar um período entre 6 meses a 2 anos. Um protetor auricular tipo concha pode durar de 6 meses a 3 anos e o tipo plugue de espuma expandida com superfície selada (não permite líquidos penetrar) pode ser utilizado por até 15 dias. Plugue de espuma expandida descartável com superfície porosa apenas um ou dois dias. Plugue de silicone ou borracha pode ser utilizado de um mês a dois anos.

Apesar disso, é possível fazer um estudo através de ensaios em laboratório com os protetores auriculares usados para uma empresa em ambiente específico, usando uma determinada marca e modelo de protetor, tendo uma população de trabalhadores específicos para determinar o período de troca destes equipamentos de proteção auditiva.

Entre em contato conosco e entenda melhor como podemos realizar esses ensaios nos protetores auriculares usados, garantindo a eficácia do protetor e a saúde dos trabalhadores.

Deixe seu comentário